Desentupimento sanitas – 8 Técnicas Que Funciona » Descubra aqui!

Desentupimento sanitas não é das tarefas domésticas mais agradáveis de se fazer. Muitas das vezes, deixamos-nos vencer e pedimos ajuda a um profissional.

Mas, por vezes, atacamos esse projecto sozinhos. Normalmente, o entupimento acontece devido ao excesso de papel higiénico, as toalhitas, aos rolos de papel higiénico, ao algodão e até aos pensos diários e às fraldas. Felizmente, existem inúmeras maneiras de resolver o problema. Leia as nossas dicas sobre como desentupir uma sanita de forma inteligente, antes de tomar uma decisão sobre fazê-lo ou não sem ajuda profissional.

Antes de começar:

1- Se, ao puxar o autoclismo, o nível da água começar a subir até o limite da sanita e descer muito lentamente, o mais certo é estar entupida. Se tal se verificar, não se precipite – não faça uma segunda descarga, pois estará a encher a sanita de mais água. Na primeira vez, a água até pode não ter transbordado mas, na segunda vez, pode ter a certeza que isso vai acontecer;

2- Logo que tenha oportunidade, coloque umas luvas de borracha para o/a proteger das bactérias. No caso de ver a causa do entupimento, não hesite e retire-a com as próprias mãos;

3- De modo a minimizar os danos colaterais da operação, espalhe jornais pelo chão para absorver potenciais salpicos e transbordos. Os jornais têm a vantagem de, no final, facilitarem a limpeza;

4- Verifique se a divisão tem boa circulação de ar. Ligue um ventilador e/ou abra uma janela. Além de minimizar o mau cheiro, protege-se contra gases potencialmente perigosos, ou até mesmo dos produtos químicos que possa vir a ter que utilizar.

5- Desligue totalmente a água da sanita para que não ocorram inundações.

Seguem agora algumas opções para o desentupimento de sanitas.

Água quente e sabão

– Adicione um pouco do sabão líquido de lavar a loiça na sanita e deixe repousar entre 15 a 30 minutos. Outra hipótese é cortar uma barra de sabão em pedaços pequenos.

– Depois, despeje com cuidado um balde de água quente (sem estar a ferver pois pode danificar o material da sanita) para ajudar a dissolver o líquido ou o sabão de barra. O detergente funciona como lubrificante, uma vez que força a obstrução a desprender-se do tubo.

– Se necessário, repita o processo. O trabalho estará concluído quando a água da sanita fluir normalmente para baixo.

Desentupidor

– Avalie a causa da obstrução. Pode ser só algo preso, como um brinquedo, ou papel higiénico. Nesse caso, só precisa do desentupidor. É sempre bom ter um em casa.

– Só precisa de colocar o desentupidor dentro da sanita e pressioná-lo firmemente em torno do ralo. Pressione-o para baixo entre cinco a dez vezes, sem ser muito agressivo, caso contrário, corre o risco de empurrar ainda mais a obstrução para baixo. Adicione água quente se achar necessário. A operação estará concluída quando vir a obstrução a sair.

Conselhos:

– Na hora de escolher um desentupidor, opte por um grande para poder puxar com bastante força o que está preso. Tem ainda a vantagem de zelar totalmente o ralo, formando um vácuo, essencial para a operação ser bem-sucedida;

– Se o seu desentupidor não estiver a aderir bem, experimente enrolar um pedaço de pano em torno da borracha e apertar onde ainda estiver a sair ar;

– Deite água quente por cima da borracha, vai ficar mais mole e fácil de trabalhar.

Garrafa de plástico

Retire o máximo de água da sanita. Pode fazer isso com a ajuda de um pequeno recipiente e despejar num balde.

– Esvaziada a sanita, encha uma garrafa de plástico grande com água morna e coloque-a na boca do escoamento da água da sanita.

– Agora, segure bem a garrafa com as duas mãos e aperte-a para que a água dispare pelo ralo. Se a água descer como é costume, o problema está resolvido.

– Pode repetir este processo as vezes que entender.

Conselhos

É aconselhável utilizar uma máscara para proteger a visão de eventuais salpicos de água. Pode substituir a água por coca-cola, também costuma resultar.

Cabide de arame

– Utilizar um cabide de arame pode solucionar o problema, especialmente se a obstrução se localizar nos primeiros centímetros do cano.

– Retire também, neste processo, um pouco do excesso da água da sanita. Pegue num cabide velho de arame e torça as extremidades de modo a ter um longo pedaço de metal. Para evitar danificar a sanita, enrole um pano ou fita adesiva na extremidade que vai usar.

– Por fim, enfie o que resulta do seu cabide pelo ralo, empurrando-o e manobrando-o em movimentos circulares de forma a eliminar a obstrução.

Encanamento de cobra

– Outra alternativa para desentupimento sanitas é o encanamento de cobra, que consiste numa bobina de fio flexível que se adapta facilmente às muitas curvas dos seus canos, sem os danificar. É bastante utilizado pelos canalizadores, especialmente quando se trata de um objecto mais resistente, como um brinquedo.

– Deverá inserir o cabo de metal da cobra no ralo e empurrar completamente até atingir o bloqueio.

– Depois de atingida a obstrução, comece a empurrar e a torcer a cobra no sentido dos ponteiros do relógio até a água começar a escorrer.

– Objectos mais duros poderão obrigá-lo a retirá-los para fora do encanamento e até a remover a sanita. Nestes casos, terá que girar o cabo da cobra no sentido contrário aos ponteiros do relógio e puxar até tirar para fora o objecto.

Aspirador de Água

– Se já tentou todas as alternativas expostas até ao momento para desentupimento sanitas, mas não obteve sucesso, um aspirador pode ser a solução para o seu problema, através do método do vácuo.

Importante: Não utilize um aspirador comum, mas um indicado para lidar com água.

– Em primeiro lugar, com a ajuda do cano do aspirador, usando o vácuo, esvazie a água que está na sanita.

– Agora que tem a sanita sem uma pinga de água, coloque apenas a parte do cano na boca da saída da água. Recorra a toalhas velhas para vedar melhor o espaço entre o cano e a saída da água pois vai facilitar o processo.

– Por fim, ligue o aparelho. Faça uma certa pressão sobre as toalhas para zelar bem o buraco. O resto do trabalho é com o aspirador, que vai sugar o objecto.

Bicarbonato de Sódio e Vinagre

– Despeje meio quilo de bicarbonato de sódio na sanita.

– De seguida, coloque, lentamente, por cima do produto, uma garrafa de vinagre (todas as variedades de vinagre servem).

Importante:

O vinagre deve ser despejado devagar, porque em contacto com bicarbonato gera muita espuma. A combinação de ambas as substâncias resulta num processo químico poderoso capaz de dissolver a causa do entupimento da sua sanita. Pode até ser um processo lento, comparativamente aos restantes, mas costuma ser eficaz para desentupir sanitas.

– Agora deixe repousar a mistura durante alguns minutos.

– Depois adicione cerca de 4 litros de água quente para ajudar o bicarbonato e o vinagre no desentupimento de sanitas.

– Deixe a mistura “trabalhar” durante a noite. Se precisar, repita o processo.

Produtos Químicos

– Se nada resultar para desentupimento sanitas, terá de procurar no mercado um produto químico indicado para limpar os canos. É sempre uma alternativa que se deve evitar, pois é prejudicial para o ambiente.

Importante: leia com atenção as instruções do produto e só utilize os que são indicados especificamente para as casas de banho.

Se mesmo com todas estas possibilidades, o que entendeu é que o melhor é entregar o serviço a quem entende e é qualificado para o fazer, só tem de procurar na Desentoppro, onde estão os melhores profissionais de desentupir canos desta matéria.

2018-12-21T19:20:41+00:00